COMBONIANUM – Spiritualità e Missione

Blog di FORMAZIONE PERMANENTE MISSIONARIA – Uno sguardo missionario sulla Vita, il Mondo e la Chiesa MISSIONARY ONGOING FORMATION – A missionary look on the life of the world and the church

FP.pt 1/2016 O novo ateísmo militante

O novo ateísmo ou ateísmo militante é uma expressão nova a designar uma realidade também nova. Como fato individual, a negação de Deus é quase tão antiga como a humanidade. Como fato social, o ateísmo é um fenômeno inédito na vida da humanidade. A etnografia e a história não conhecem povos sem religião. Com o advento do comunismo que, a todo transe, pretendia traduzir em realidade social o materialismo dialético de Marx, a irreligiosidade passa a ser o ideal de uma nova civilização, e o combate à divindade, a condição preliminar de seu triunfo na história. O marxismo era essencialmente um ateísmo militante. (ver http://permanencia.org.br)

Na parte superior, Nietzsche, Freud e Marx. Na parte inferior, Hitchens, Harris e Dawkins.

Na parte superior: Nietzsche, Freud e Marx. Na parte inferior: Hitchens, Harris e Dawkins.

Hoje porém assistimos a uma viragem. Já não se trata dum ateísmo de matriz filosófica, mas dum novo ateísmo alimentado pela referência ao discurso científico. Depois dos “mestres da suspeita” (Marx, Nietzsche e Freud), hoje é a vez do neodarwinismo e das neurociências de fornecer argumentos a fim de que se acredite que Deus não existe.

O novo ateísmo é também militante (combatente) porque condena não apenas a crença em Deus, mas também o respeito pela crença em Deus. Segundo eles, toda religião é má! Não está apenas errada. Ela é perversa: “Com ou sem religião, haverá sempre pessoas boas a fazer coisas boas e pessoas más a fazer coisas más. Mas, para pessoas boas fazerem coisas más, é preciso religião” (Steven Weinberg, físico). Para o ateu-militante tudo pode e deve ser explicado e resolvido pela ciência. Eis porque o novo ateísmo militante vem promovendo uma auténtica “cruzada contra a religião”.

A face mais visível dessa cruzada são os inumeráveis livros lançados nestes últimos anos, particularmente desde 2004, por cientistas influentes, tais como: o biólogo britânico Richard Dawkins, um dos mais conhecidos pesquisadores do evolucionismo e principal ícone do novo ateísmo; o escritor e jornalista inglês Christopher Hitchens (falecido em 2011), conhecido pelo seu espírito irreverente e anticlerical, e pela sua hostilidade a qualquer forma de religião (num livro contra Madre Teresa trata-a de “anjo do inferno”); o neurocientista americano Sam Harris; o filósofo estadunidense e estudioso da mente Daniel Dennett; o célebre físico inglês Stephen Hawking … Dawkins vive em Oxford, na Inglaterra, mas foi nos Estados Unidos que o grupo de militantes ateus se tornou mais ruidoso.

A principal crítica aos novos ateus é que, junto com Deus, eles retirariam a espiritualidade da vida das pessoas. A resposta deles é que a espiritualidade pode vir da contemplação da natureza. Até os ritos poderiam ser preservados, com novos significados. Como faz, por exemplo, o administrador de empresas gaúcho Roberto Moschen. Ateu, ele criou uma versão alternativa do Natal: o Newtal, um natal para o cientista Isaac Newton, que nasceu em 25 de dezembro.
(http://revistaepoca.globo.com).

Ver artigo de  FP.português  1/2016 
PDF   FP.pt 2016-1 O novo ateísmo militante
Word FP.pt 2016-1 O novo ateísmo militante

Rispondi

Inserisci i tuoi dati qui sotto o clicca su un'icona per effettuare l'accesso:

Logo di WordPress.com

Stai commentando usando il tuo account WordPress.com. Chiudi sessione /  Modifica )

Google photo

Stai commentando usando il tuo account Google. Chiudi sessione /  Modifica )

Foto Twitter

Stai commentando usando il tuo account Twitter. Chiudi sessione /  Modifica )

Foto di Facebook

Stai commentando usando il tuo account Facebook. Chiudi sessione /  Modifica )

Connessione a %s...

Questo sito utilizza Akismet per ridurre lo spam. Scopri come vengono elaborati i dati derivati dai commenti.

Informazione

Questa voce è stata pubblicata il 17/04/2016 da in Artigo mensal, Atualidade social, PORTUGUÊS con tag .

  • 546.154 visite
Follow COMBONIANUM – Spiritualità e Missione on WordPress.com

Inserisci il tuo indirizzo email per seguire questo blog e ricevere notifiche di nuovi messaggi via e-mail.

Unisciti ad altri 929 follower

San Daniele Comboni (1831-1881)

COMBONIANUM

Combonianum è stato una pubblicazione interna di condivisione sul carisma di Comboni. Assegnando questo nome al blog, ho voluto far rivivere questo titolo, ricco di storia e patrimonio carismatico.
Il sottotitolo Spiritualità e Missione vuole precisare l’obiettivo del blog: promuovere una spiritualità missionaria.

Combonianum was an internal publication of sharing on Comboni’s charism. By assigning this name to the blog, I wanted to revive this title, rich in history and charismatic heritage.
The subtitle
Spirituality and Mission wants to specify the goal of the blog: to promote a missionary spirituality.

Sono un comboniano affetto da Sla. Ho aperto e continuo a curare questo blog (tramite il puntatore oculare), animato dal desiderio di rimanere in contatto con la vita del mondo e della Chiesa, e di proseguire così il mio piccolo servizio alla missione.
I miei interessi: tematiche missionarie, spiritualità (ho lavorato nella formazione) e temi biblici (ho fatto teologia biblica alla PUG di Roma)

I am a Comboni missionary with ALS. I opened and continue to curate this blog (through the eye pointer), animated by the desire to stay in touch with the life of the world and of the Church, and thus continue my small service to the mission.
My interests: missionary themes, spirituality (I was in charge of formation) and biblical themes (I studied biblical theology at the PUG in Rome)

Manuel João Pereira Correia combonianum@gmail.com

Disclaimer

Questo blog non rappresenta una testata giornalistica. Immagini, foto e testi sono spesso scaricati da Internet, pertanto chi si ritenesse leso nel diritto d’autore potrà contattare il curatore del blog, che provvederà all’immediata rimozione del materiale oggetto di controversia. Grazie.

Categorie

%d blogger hanno fatto clic su Mi Piace per questo: